icondominial

Redesenhando espaços

4 de agosto de 2017

Tags: , , ,

As garagens estão entre as áreas condominiais que mais geram reclamações, mas é possível readequá-las Quem é apaixonado por seu carro com certeza se preocupa com o local onde ele fica estacionado. Em condomínio, porém, nem sempre há vagas ideais para cada morador, mas já existe uma área da arquitetura especializada no planejamento de garagens […]

As garagens estão entre as áreas condominiais que mais geram reclamações, mas é possível readequá-las

Quem é apaixonado por seu carro com certeza se preocupa com o local onde ele fica estacionado. Em condomínio, porém, nem sempre há vagas ideais para cada morador, mas já existe uma área da arquitetura especializada no planejamento de garagens de edifícios, cujo objetivo é melhorar a oferta de espaços e tornar o cantinho de cada carro o mais adequado possível.

“Manobrar era quase impossível e tínhamos diversos problemas de acesso, por isso estamos reestruturando a área”, conta Paschoal Guglielmi, síndico de um condomínio na grande São Paulo.

Os problemas relatados por ele são comuns em muitos outros condomínios, e colocar ordem na casa, ou melhor, na garagem, já é possível desde que sejam feitas analises das necessidades de espaço disponível.

Buscando soluçõesNa lista de problemas encontrados nas garagens, o tamanho e a localização das vagas lideram o ranking de reclamações.

“Hoje é possível readaptar boa parte das vagas, se não todas. O primeiro passo é fazer um estudo da garagem e ouvir as necessidades dos moradores”, explica a arquiteta Tatiane de Alencar, do Studio Taas Garagens.

É preciso considerar que as garagens dos empreendimentos com mais de 15 anos, por exemplo, foram pensadas levando-se em conta que os carros mais antigos eram menores e que nem todos os moradores tinham veículos próprios.

“A maioria dos empreendimentos possui vagas de tamanho P, com no máximo 2 metros de comprimento, e um carro SUV (do inglês ‘sport utility vehicle’, ou ‘veículo utilitário esportivo’) não cabe nessas dimensões”, analisa Tatiane.

Para esses casos, pequenas readaptações podem ser a solução. “Há um exemplo em que a impossibilidade de manobra se devia à existência de uma vaga mal localizada. Para corrigir, a ideia foi transformar a vaga em um depósito. Assim, evitaríamos problemas como batidas e dificuldade de manobras de outros carros”, diz Tatiane.

A solução apontada pela arquiteta resolveu os problemas do condomínio no qual Paschoal é síndico.

“Estamos implantando o projeto de reestruturação da garagem aos poucos por ser algo que demanda verba, mas só de remanejar as vagas que bloqueavam o caminho para trânsito dos veículos já vimos uma melhora muito positiva”, conclui Guglielmi.

Mais confortávelAs garagens coletivas geralmente são um enorme transtorno, mas dá para tentar tornar a situação menos complicada.

“Uma das soluções é tentar encaixar os veículos que têm donos conhecidos próximos. Assim, se houver a necessidade de troca de chaves, fica mais fácil”, aponta Tatiane.

Os páletes, aqueles suportes feitos para facilitar o transporte dos automóveis de uma vaga à outra, não são uma novidade, mas estão se tornando mais comuns em muitas garagens quando o espaço é pequeno.

“Os páletes usados em garagens são bem parecidos com os encontrados em oficinas mecânicas, entretanto, não é sempre que é possível utilizá-los”, finaliza Tatiane.

Aproveitando melhor sua garagem

  • Quando for comprar um empreendimento ainda em construção, peça também uma cópia da planta da garagem. A planta dará uma noção dos tipos de veículos que se enquadram na vaga
  • A reformulação da garagem deve ser aprovada em assembleia
  • Busque profissionais que tenham referências no mercado para reorganização das garagens

Publicado em Empreendimento por iCondominial | Nenhum comentário

Deixe um comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.

Tecnologia Notebem Tecnologia Hotvia